ofensa

12 03 2010

Na imensurável zona de restauração do Shopping periférico, onde casais, famílias, repastam em tabuleiros de plástico os seus jantares escolhidos a número e pré-pagos, comendo pasta e aspirando o cheiro a frango frito da mesas vizinhas, a presença de um homem solitário com o seu próprio tabuleiro de plástico, restos de galão e salame de chocolate que, ocupando um par de mesas, bloga e retoma a leitura do seu pesado volume, é uma ofensa para os olhares incrédulos que passam.

Anúncios

Acções

Information

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s




%d bloggers like this: